Após ver mãe expulsa de casa por ser cristã, garoto decide ficar para evangelizar o pai

Harun é um jovem cheio de coragem. Sua história motiva os cristãos a não desistirem de sua família. Ele mora na Indonésia com seu pai. Recém-convertido ao cristianismo, o garoto tem vivenciado ira e perseguição de sua própria família. Seu pai o trancou em casa após ele dizer que não vai voltar para o islamismo.

Sua mãe foi expulsa de casa por ter se convertido a Jesus e agora mora em outra cidade. Ela diz que está surpreendentemente bem com sua nova fé e assumiu a responsabilidade de pagar a escola de Harun. Apesar disso, o pai do garoto se negou a continuar pagando, por causa de sua conversão.

A mãe de Harun chegou a perguntar se ele não queria morar com ela, mas o jovem preferiu ficar com pai, apesar da hostilidade dele para com o Evangelho. “Quer ser benção para o meu pai e, assim, ele pode acreditar em Jesus”, disse o jovem ao Portas Abertas.

O ato corajoso de Harun faz com que ele enfrente sérias dificuldades. Seu pai continua a pressioná-lo para voltar ao islã. “Um muçulmano é muçulmano. Você não pode acreditar em Jesus”, gritou seu pai, segundo o rapaz.

Harun está crescendo forte em sua fé, apesar de também estar cansado da pressão diária de seu pai. O jovem está cada vez mais determinado a ser uma testemunha de Jesus.

Nessa semana, ele foi liberado pelo pai para voltar à escola e ficou muito feliz por essa decisão. ele acredita que a atitude de seu genitor é resposta de oração a Cristo e como o mover de Deus no coração do pai.

Na Indonésia, certos lugares são bastantes hostis ao fato de ter pessoas que abandonam o Islã. Se converter ao cristianismo pode levar a uma sentença de morte. Portanto, esses novos convertidos declara que ainda são muçulmanos, embora acreditem em Jesus. Eles continuarão a usar o véu, manter o islã em sua identidade ou ir para a mesquita, até estarem prontos e espiritualmente fortes o suficiente para revelar suas verdadeiras crenças.

Fonte: Guia-me / com informações Portas Abertas